Netflix lança função que permite enviar Pix no crédito e parcelar em até 12 vezes

 Netflix lança função que permite enviar Pix no crédito e parcelar em até 12 vezes

O Nubank anunciou na última quinta-feira (21), uma nova ferramenta no aplicativo que permite aos usuários do banco digital enviarem dinheiro pelo Pix, modalidade de pagamento instantâneo lançado pelo Banco Central, mesmo que não haja saldo na conta.

Com essa novidade recém-lançada pela fintech, os correntistas podem enviar dinheiro por Pix utilizando o limite do cartão de crédito. Esse recurso é bastante útil para situações emergenciais, permitindo que o cliente faça a transferência acrescida de juros e pague apenas na fatura do próximo mês.

Além da possibilidade de utilizar o limite de crédito da conta, também é possível parcelar o Pix em até 12 vezes como se fosse uma compra no cartão. O destinatário do dinheiro receberá o pagamento integral, mas para você terá sido parcelado.


De acordo com o Nubank, neste primeiro momento o recurso está disponível apenas para usuários selecionados, mas na próxima semana será lançado para todos conforme o período de testes avance no aplicativo.

Enquanto o roxinho não libera para todos, usuários interessados em aproveitar essa funcionalidade podem instalar o PicPay para efetuar transferências parceladas (clique aqui para saber mais).

Como usar?

  • Na tela inicial do aplicativo, toque no atalho “Área Pix” e depois em “Transferir”;
  • Digite o valor da transferência;
  • Insira a chave Pix;
  • Confirme os dados de quem irá receber a transferência;
  • Clique em “Escolher como transferir” e, em seguida, “Cartão de Crédito”;
  • Selecione a quantidade de parcelas que você quer;
  • Revise os detalhes da transferência;
  • Digite a sua senha de 4 dígitos e pronto!

DOWNLOADS

Nubank: conta, cartão e mais
Nubank: conta, cartão e mais
Developer: Nu
Price: Free

QUER SABER MAIS? ASSISTA AO VÍDEO:



Luan Mendonça

Jornalista há quatro anos, trabalho com revisão de textos e elaboração de pautas sobre telefonia móvel/telecomunicações no geral. Como lema, compartilho a ideia de Álvaro Borba, que diz: “Não importa o que eu acho, importa o que eu sei, e o que sei são os fatos”.

Postagem relacionada

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.