Como recuperar imagens e vídeos apagados no Google Fotos

 Como recuperar imagens e vídeos apagados no Google Fotos

Instalado nativamente em todos os smartphones Android, o Fotos é a plataforma de armazenamento na nuvem do Google que permite aos clientes da empresa salvarem mídias on-line sem ocupar espaço na memória do telefone. A conta gratuita oferece 15 GB de espaço nos servidores para envio de fotos ou vídeos em alta resolução.

Após o upload, o conteúdo pode ser acessado pelo usuário tanto no celular quanto computador desde que haja conexão à Internet. Assim como na galeria do celular, ao apagar uma mídia do Fotos o item também é enviado para a lixeira podendo ser recuperado em até 30 dias após a exclusão.


ENCONTRE A LIXEIRA DO FOTOS

A seção que armazena os arquivos excluídos pelo usuário pode ser acessada através do próprio aplicativo, além da versão web. Na lixeira, é possível apagar permanentemente, isto é, sem possibilidade de recuperação, ou reaver a foto/vídeo apagado.


Essa ferramenta é especialmente útil para situações em que determinada mídia é excluída acidentalmente pelo usuário. Confira o passo a passo abaixo!

1º PASSO:

Primeiramente, toque sobre a opção “BIBLIOTECA” no menu inferior e posteriormente cliquem em “LIXEIRA” (quarta opção na parte superior).

Nesse espaço também é possível encontrar as fotos marcadas com a tag “favorito”, mídias arquivadas e outras informações, como o espaço disponível na conta, por exemplo.

2º PASSO:

Após isso, selecione a imagem (as) que deseja recuperar da lixeira e depois clique em “PERMITIR” para que a mídia retorne ao menu principal.

Caso queira, também é possível efetuar a exclusão definitiva através deste mesmo caminho. Os itens armazenados em backup serão apagados permanentemente passado o prazo de 60 dias, enquanto os que não estiverem em backup serão deletados em 30 dias.

DOWNLOADS

Google Fotos
Google Fotos
Developer: Google LLC
Price: Free
‎Google Fotos
‎Google Fotos
Developer: Google LLC
Price: Free+

QUER SABER MAIS? ASSISTA AO VÍDEO:



Luan Mendonça

Jornalista há quatro anos, trabalho com revisão de textos e elaboração de pautas sobre telefonia móvel/telecomunicações no geral. Como lema, compartilho a ideia de Álvaro Borba, que diz: “Não importa o que eu acho, importa o que eu sei, e o que sei são os fatos”.

Postagem relacionada

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.