Como recuperar e-mails apagados no Gmail

 Como recuperar e-mails apagados no Gmail
- Anúncios -
Conteúdo Continua após Anúncios


RECUPERE E-MAILS APAGADOS

Assim como outras plataformas de e-mail, no Gmail também é possível recuperar mensagem apagadas acidentalmente na conta da empresa. Esse conteúdo pode ser resgatado em até 30 dias após a exclusão do e-mail recebido na caixa de entrada.

Caso queira, também é possível deletar permanentemente os e-mails movidos para a lixeira, mas sem possibilidade de recuperação após isso. Veja como recuperar:

- Anúncios -
Conteúdo Continua após Anúncios

1º PASSO:

Primeiramente, acesse sua conta no Gmail e no menu lateral esquerdo toque sobre “LIXEIRA” para visualizar os e-mails apagados. Feito isso, procure pela mensagem que foi apagada e que será recuperada, sendo possível, inclusive, usar os filtros de busca para facilitar a procura

Se o e-mail não estiver nessa área é possível que tenha sido movido equivocadamente para a seção de spam, função que também pode ser acessada pelo menu lateral.

2º PASSO:

No menu superior, clique na opção “MOVER PARA” e selecione “CAIXA DE ENTRADA” (ou outra pasta) para recuperar o conteúdo que foi deletado.

3º PASSO:

Por último, se não conseguir recuperar usando o método anterior use a ferramenta de recuperação do Google (acesse) e faça login usando sua conta do Gmail.

Conforme antecipamos anteriormente, mensagens deletadas permanentemente não podem ser recuperadas no seu e-mail, mas usando a ferramenta da empresa é possível tentar reaver e-mails excluídos por alguém que fez login em sua conta sem autorização.

DOWNLOADS

Gmail
Gmail
Developer: Google LLC
Price: Free
‎Gmail – E-Mail von Google
‎Gmail – E-Mail von Google
Developer: Google LLC
Price: Free+

QUER SABER MAIS? ASSISTA AO VÍDEO:

- Anúncios -
Conteúdo Continua após Anúncios

Lucas Ribeiro

Jornalista há quatro anos, trabalho com revisão de textos e elaboração de pautas sobre telefonia móvel/telecomunicações no geral. Como lema, compartilho a ideia de Álvaro Borba, que diz: “Não importa o que eu acho, importa o que eu sei, e o que sei são os fatos”.

Postagem relacionada

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.